Marchando para a guerra

 

« Era um espectáculo que tinha tanto de magestoso como de terrível, vê-los marchar em cadência, ao som da flauta, sem nunca romperem as suas fileiras, sem um sinal de temor, caminhando com passo grave e ar alegre ao encontro dos maiores perigos. »

Plutarco in “Licurgo”, Editorial Inquérito, 1938

4 responses to “Marchando para a guerra

  1. Parabéns

  2. Novamente parabéns, diria mesmo, grande Espartano!

    Cumprimentos

  3. Muito agradecido prezados companheiros. É bom sentir que não se trabalha em vão e tal como referi na curta apresentação «Porquê Esparta?» os meus amigos sintam-se à vontade se desejarem contribuir com textos originais, traduções ou imagens.

    Saudações a ambos.

  4. imagem show de bola,adorei vou até botar no meu trabalho de historia.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s