A vida em Esparta

Esparta localizava-se na península do Peloponeso, numa região que tinha terras apropriadas para o cultivo da vinha e da oliveira. Nunca teve uma área urbana importante. Era uma cidade de carácter militarista e oligárquico. 

O governo de Esparta tinha como um de seus principais objectivos fazer de seus cidadãos modelos de soldados, bem treinados fisicamente, corajosos e obedientes às leis e às autoridades. 

A sociedade espartana dividia-se em três categorias principais: espartiatas, periecos e hilotas. 

Os espartiatas eram os cidadãos espartanos, que permaneciam à disposição do exército ou dos negócios públicos, podendo participar no governo da cidade. Eram os proprietários da terra e não podiam exercer o comércio. Deviam dedicar sua vida ao estado espartano. Os periecos, assim como os espartiatas, eram homens livres, mas dedicavam-se principalmente ao comércio e ao artesanato. Descendiam dos povos conquistados pelos espartiatas e não tinham direitos politicos nem participavam dos órgãos do governo. Pagavam impostos ao Estado. 

Os hilotas viviam presos à terra dos espartitas, sendo duramente explorados. Deviam cultivar essa terra a vida inteira e não podiam ser expulsos do seu lugar. Com o seu trabalho, sustentavam os cidadãos (espartiatas). Desprezados socialmente, promoviam frequentes revoltas contra o Estado. Para controlar as revoltas e manter os hilotas sob clima de terror, os espartanos organizavam expedições anuais de extermínio(criptias), que consistiam na perseguição e morte dos hilotas considerados perigosos.  Analisando a situação dos espartiatas, periecos e hilotas, alguns historiadores afirmam que os periecos, por dominar o comércio e o artesanato, podiam enriquecer, desfrutando de certo conforto material e liberdade. Os espartiatas, por sua vez, cumpriam obrigações tão pesadas em relação ao Estado que se tornaram vítimas de suas próprias instituições. Quanto aos hilotas, sua vida era marcada pela opressão e miséria. 

O poder dos espartiatas –Esparta era governada por dois reis, um pertencente, tradicionalmente, à família dos Àgidas e o outro à família dos Euripôntides. Entre as suas funções, destacavam-se os serviços de carácter militar e religioso. Em tempo de guerra, um dos reis exercia o comando dos exércitos. 

A administração política era exercida, também, por três órgãos. O primeiro deles, chamado Gerúsia, era o concelho vitalício de Anciãos, constituído pelos dois reis e mais 28 esparciatas maiores de 60 anos. Tinha funções administrativa (supervisão), legislativa (elaboração de projetos de lei) e judiciária (tribunal superior). O segundo era a Ápela, assembléia formada por cidadãos espartanos maiores de 30 anos. Elegia os membros da Gerúsia e aprovava ou rejeitava as leis encaminhadas por eles. O terceiro órgão era o Conselho dos Éforos, grupo formado por cinco membros eleitos anualmente pela Ápela. Os éforos, com mandato de um ano, eram verdadeiros chefes do governo espartano: coordenavam as reuniões da Gerúsia e da Ápela e controlavam a vida econômica e social da cidade, podendo vetar os projetos de lei e fiscalizar as atividades dos reis. 

Educação dos espartanosO objetivo principal da educação espartana era transformar os jovens em bons soldados, capazes de manter a segurança da cidade. Nesse treinamento educacional eram muito importantes os treinamentos físicos, como salto, corrida, natação, lançamento de disco e dardo. 

As mulheres espartanas recebiam educação quase igual à dos homens, participando dos torneios e atividades esportivas. O objetivo era dotá-las de um corpo forte para gerar filhos sadio e vigorosos. 

Ao nascer, a criança espartana era inspecionada por membros do governo, que verificavam seu estado de saúde. Se fosse saudável, merecia os cuidados do Estado. Se fosse doente ou apresentasse alguma deficiência física ou mental, podia ser imediatamente morta.  De acordo com Plutarco (50-120 d.C.), quando nascia uma criança espartana, pendurava-se na porta da casa um ramo de oliveira (se fosse um menino) ou uma fita de lã (se nascesse uma menina). Havia rituais privados de purificação e reconhecimento da criança pelo pai, além de uma festa de nascimento conhecida como genetlia, na qual o recém-nascido recebia um nome e presentes de parentes e amigos (Cf. Maria Beatriz B. Florenzano. Nascer, viver e morrer na Grécia antiga). 

A partir dos 7 anos, os pais (cidadãos) não mais comandavam a educação dos filhos. As crianças eram entregues à orientação do Estado, que tinha professores especializados para esse fim. Vejamos alguns dos métodos da educação espartana, tendo como base o relato dos historiadores gregos Xenofonte (A constituição dos lacedemônios) e Plutarco (A vida de Licurgo). Em lugar de proteger os pés com calçados, as crianças eram obrigadas a andar descalças, a fim de aumentar a resistência dos pés. Usavam um só tipo de roupa o ano inteiro, para que aprendessem a suportar as oscilações do frio e do calor. 

A alimentação era bem controlada. Se alguma jovem sentisse fome em demasia, era permitido que furtasse para conseguir alimentos. Castigavam-se, entretanto, aqueles que fossem apanhados roubando.  Uma vez por ano, os meninos eram chicoteados em público, diante do altar de Ártemis (deusa grega vingativa, a quem se ofereciam muitos sacrifícios). Essa cerimónia constituía uma espécie de concurso público de resistência à dor física. 

Na adolescência, os jovens eram encarregados dos serviços de segurança na cidade. Qualquer cidadão adulto podia vigiá-los e puni-los. O respeito aos mais velhos era regra básica. Às refeições, por exemplo, os jovens deviam ficar calados, só respondendo de forma breve às perguntas que lhes fossem feitas pelos adultos. Com 20 anos, o jovem espartano entrava no exército. Mas só aos 30 anos de idade adquiria plenos direitos políticos, podendo, então, participar da Assembléia dos Cidadãos (Ápela). Para o historiador italiano Franco Cambi, a educação desenvolvida em Esparta e Atenas constitui dois modelos educativos diferentes. Em Esparta, a perspectiva militar orientava a formação de cidadãos-guerreiros, defensores do Estado.

78 responses to “A vida em Esparta

  1. detalhe sobre o treinamento do soldado espartano

  2. gosto muito de historia
    pricipalmente sobre esparta e atenas

  3. NINGUÉM VEIO A SUPERAR A FANTÁSTICA DISCIPLINA ESPARTANA, CANTADA EM PROSA E VERSO, CUJA FAMA SE PERDE DISTANTE. ELES SE ORGULHAVAM EM DIZER:
    “OUTRAS CIDADES PRODUZEM MONUMENTOS E POESIA. ESPARTA PRODUZ HOMENS”.

  4. Educaçao espartana nunca chegaremos a paz com essa educaçao….Nossos filhos sao o futuro se nosso futuro for educado dessa maneira ter filhos e um erro se o objetivo e um futuro melhor,se o objetivo e ter uma evoluçao e nao regredir agredidos nunca agressores…

  5. Os espartanos trocaram a cultura e beleza por uma “Espartana” de simplicidade e resistência.

  6. muito interessante a vida dos espartanos…

    goostaria q algum de vcs me passasem a forma de treinamendo esartano.

    quero ter esse tipo de treinamento.

    obrigado.

  7. os jovens eram encarregados dos serviços de segurança na cidade.

  8. Queria fazer uma pergunta:O que as mulheres faziam,cuidavam da cidade ou só tinham filhos?

  9. Sou uma aluna da 5°série do Colégio Canadá londrina
    e estou estudando sobre Esparta e Atenas
    e estou amando

  10. ameiii
    de mais esse conteúdo

  11. a história é muito interesante…,principalmente para mim estudar hitória

  12. Vou fazer um seminário sobre os espartanos…
    Gostaria de saber mais sobre os cidadão da Esparta.

  13. adoreia a historia dos espartas vai me ajudar muito pra fazer um jure simulado
    obrigada

  14. olha eu queria saber de um acoisa como era o gover no de Esaparta?
    se possivel me responda…
    muito obrigada…
    adorei esse site!!!!
    bjks,
    xau

  15. ameiiiiiiiiiiiiiiiiiiii
    olha Bianca não sei te responder mais espero que alguem saiba ok
    eu ameiiiii esse site é muito interessante pra valerrrr!!!!!!!!!!!!
    beijosssssssssssssssss pra todo mundo
    espero que ess site va adiante!!!!!!!

    ;)(;
    >_<

  16. eu gostei muito dessa historia porque vai mim ajuda para um trabalho para um trabalho de historia………………………………………

  17. Certamente a educação espartana possui características únicas e dificilmente replicaveis. O mundo atualmente afundado pela corrupção generalizada, conseguiu com a globolização obter a capilaridade necessária para a disseminação de valores pútridos.
    Possuo um guerreiro espartano tatuado em meu braço esquerdo com a lança, o elmo corinto e o escudo com o lambda, uma maneira de demonstrar a admiração por essa sociedade fantástica.

  18. Olha TAL de Bianca os espartanos tinham
    o governo:
    Democracia: todos os cidadãos participavam
    das decisoes.
    Adorei o site
    Beijinhs

  19. nossa cara amei o site, e amei a educação dos espartanos, com certeza, meu filho seguira tais regras com exeção de alguma es claro, como roubar se for preciso…mas de resto , sera educado como eu adoraria ser, como um espartano!!

  20. adooorei.
    vaai me ajudar bastante! muito obrigado e Parabéeeeeeeeeens;

  21. eu queria saber, sobre a Família e suas culturas na Esparta; preciso disso para semana que vem, e não sei onde pesquiso.
    Será que poderiam me ajudar?

  22. Os espartanos tiveram uma das melhores educações da história, se levando em conta a disciplina. Creio que o nosso país seria melhor assim, pois pensem, hoje poucas crianças ainda respeitam seus pais e isso é horrível. Poucos pais brasileiros tem capacidade de educar com qualidade os seus filhos, creio que se os filhos, após uma idade determinada fossem levados á internatos do Estado, eles aprenderiam desde pequenos a serem disciplinados e fortes, mas também acredito, que uma parcela das crianças, deveriam ter uma educação diferente, na qual se focalizasse o ensino de qualidade, para que não tenhamos homens com baixo grau de inteligência, que ocorria em grande escala nos cidadões espartanos. E respondendo á garota Bianca, e corrigindo o Anónimo, o governo espartano não era uma democracia, e sim uma monarquia, mas onde se valiam o poder de muitos, e eu acho isso bom, para não focalizar poder em um único homem, isso causa ambição.

  23. belo comentário,será muito ultio,obrigada.

  24. muito bom o texto, alias estou fazendo um trabalho com minha sala nesse site, meu prof° escolheu esse site para ´pesquizarmos!!!!flw

  25. A educação espartana é a melhor educação que uma pessoa pode ter.

  26. keria saber como é a alimentaçao dos espartanos!!!

  27. Oiie nossa adorei esse siti é pq o meu professor pediu um trabalho pra minha classe eu procurei e achei esse amei vai me ajudar muito!
    /bjuss

  28. Ola, obrigado isto me ajudou muito em meu trabalho de historia.Estou na 5ª ou 6ª/9…Mas mesmo assim obrigado

  29. MARAVILHOSOOOOO .NOSSA COMO TEMOS FALTA DE DISCIPLINA E DIGNIDADE

  30. quais as características mais marcantes da sociedade espartana?como isso traduzia na estrutura do poder?

  31. qual e o nome do altor

  32. a vida dos espartanos era dificil

  33. muito obrigado iso me ajudol bastante

  34. é muito legal + o duro q é muito grande😦
    tive q copiar quase tudo para trabalho de História na escola
    eu só fui resumindo
    kkkkkkkkkkk
    entao é isso
    xauxau

  35. adorei!!!
    eu precisava da ajuda para uma pesquisa de historia!!!

  36. nossa é muito massa esse saite
    me ajudou muito!!!!!!!!!!!
    estou na 5 série /6 ano
    valeu gente !!!!!!!!!!!!!!!

  37. UIII ISSO TUDO
    È MUIITO SEEX ‘

  38. É um estudo sobre tudo do Modus Vivendi dos
    Espartanos é essencial aos nossos jovens…Mas
    pelo visto, um melhor desempenho no Português
    é fundamental…Vamos estudar mais a língua Pátria, se não o Jô Soares vai ter matéria pra
    seção Pérolas,ainda por bom tempo…rsrs!!

  39. Bom é mt enteressante mas a educação dos espartanos na minha opnião era mt dura e rigorosa mas fazer o q né ?!!!

  40. esse cite tem quase tudo que vc precisa, ele é muito show mesmo

  41. eu adoreii o texto muito interesante
    dou maus parabens para os espartanos

  42. eu adorei esse texto muito interessante,ele é muito show mesmo.

  43. MUITO OBRIGADO!
    É MUITO INTERESSANTE

  44. eu acho q vcs deviam colcar tbm divisão social e comercio em esparta

  45. chauuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu foi um praser

  46. sou alua da 5ª série do colégio salesiano são gonsalo (cuiabá) e estive estudando isso há um tempo…

  47. acuntoooooooooo pouco de mais

  48. mto legal o site de vcs sobre esparta o maior povo da grecia

  49. igor alison de moura goncalves

    eu sou aluno e me amarro em história gostei mt deste texto histórico.

  50. Pobres Hilotas, oprimidos, escravisados e explorados..

  51. gostei da pesquisa beijossssssssssssssss!!!!!!!!!!!!!!!!!

  52. achei interesante
    essa historia de esparta
    me ajuda bastante
    …..

  53. muito foda gostei . parabens

  54. eu adoro a historia sobre os espartanas, é bem interessante !

  55. noooooossa o texto é enorme ,mas gostei , tem muitas coisas para aproveitar! obrigada.

  56. gostei do texto

  57. esse texto ajuda muito no trabalho da escola

  58. Eu estou na 5ª série e tenho um trabalho sobre Esparta e Atenas.
    Esse site me ajudou muito!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!Espero vá adiante com novas histórias interessantes.
    bbbbjjjsssssssss!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  59. nossa esse site e muito massa e me ajudou um monte pra minha prova
    nossa imagina aqueles fortões sem camisa eles são muito sexy

    beijos amore!!!!!!!
    thau!!

  60. gostei muito do texto pois e muito enteresante

  61. Mion Dion!! Cada erro de ortografia que é de desmaiar!!!!!

  62. Nos comentários, é claro

  63. Achei otimas as explicaçoes parabens

  64. rebecca isabella piovanni

    Adoguei esse site e d+, e bastante interessante.
    ja penso os espartanos fortões e sexys na nossa frente, ia ser umaximo.
    pena q so da p ver eles por foto. mais msm assim eles sao nindooooooooooooooos.
    kinem o meu namorado o felipe. te amo meu amorrr!!

  65. Phatlim | Agosto 28, 2011 às 2:48 pm | Responder
    Eu estou na 5ª série e tenho um trabalho sobre Esparta e Atenas.
    Esse site me ajudou muito!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!Espero vá adiante com novas histórias interessantes.
    bbbbjjjsssssssss!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!// eu to agr e to tentando ler mas o trabalho em eu n sei nd sobre isso eu antes tava no egito agr é grecia e pioro1 5 periodos! ‘0’

  66. Gostei, mas queria detalhes do que eles faziam com as crianças que nasciam deficientes.

  67. ooo noss ajudou bastante vlw aii bjs na xexa

  68. porra o pessoal e buro por de mais

  69. me ajudou muitoo esse site

  70. adorei tireeei 10 ..

  71. Parabéns por as explicações,me ajudou muito !

  72. Muito bom seu texto,me ajudou muito pois estou estudando
    sobre a ”Grécia Antiga”.🙂

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s